Ame sua casa!

Porque todos tem direito a uma casa bacana!

Em breve com mais novidades 'Aguardem!

Copyright © Ame sua casa! | Published By Gooyaabi Templates | Powered By Blogger
Design by WebSuccessAgency | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com

Arquivos!

Ame sua casa! ♡ ©Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.

Atualizações no seu email!

Contato!

kathyne@amesuacasa.com
MyFreeCopyright.com Registered & Protected

Sobre!

Porque todos tem direito a uma casa bacana!

Quem está por aqui!

Ame sua casa (em 6 passos!)


Olá mundo!

Hoje é quarta-feira, dia de post! =]

Há algum tempo, tenho pensado na minha relação com a minha casa atual e todas as demais que já morei. Em alguns lugares, podemos dizer que praticamente nem morei: saía cedo, chegava tarde, banho, cama, pluft! Em outros momentos pude passar mais tempo em casa e nossa! Tanta coisa me incomodava!! Um desperdício de sentimentos. Até que teve um apartamento em Florianópolis que eu decidi chamar de “lar” e foi quando minha relação com todas as demais casas mudou.

O que eu aprendi é que nem sempre a gente vai amar onde mora, mas sempre podemos melhorar. Nem sempre a casa física é o mais importante, o importante é o que você faz com ela. Como você quer usar a sua casa? Trazer amigos? Se esparramar no sofá? Fazer yoga? Então vamos já qualificar esse espaço para poder aproveitar melhor? 

Eis minhas 6 (humildes) dicas de como amar a sua casinha:

1- Deixe o sol e o vento entrar! “Ah Kathyne, mas onde eu moro é muito frio!” Não interessa! Coloca aquele casaco luxo e deixe suas janelas livres por pelo menos umas 2 horas ao dia. Médicos recomendam isso, sua saúde precisa disso e suas alergias agradecem. Além disso, é vento, é sol, é ar, é coração (vai planeta!). Se você tiver um canto que bate sol na sua casa, use-o! Coloque os travesseiros, sapatos e as almofadas pra passear e elimine os ácaros da sua vida! Vento e sol é vida gente, é renovação!



Em sentido horário: (1), (2), (3) e (4).

2- Tenha seres vivos em volta de você! Sejam eles animais, plantinhas ou amigos! Sua casa precisa de vida. Eu, particularmente, sou muito carente e tenho um marido, uma gata e uma plantação de trevos na cozinha, mas se você não tem nenhum ser vivo aí na sua casa, eu recomendo aquelas florzinhas (kalanchoe) que vendem no mercado.

É colorida, fácil de cuidar (não coloque muita água, claridade é bem vinda) e dá uma contagiada imediata no ambiente. Além disso, a plantinha pode ser uma motivação para você voltar para casa, como um compromisso com seu lar e pretexto para você ir embora de lugares chatos (“gente, a reunião tá boa mas tenho que ir para casa molhar minha kalanchoe” hahaha... ).

Exemplo de Kalanchoe (1) e “Oi, eu sou a Mya!” (acervo pessoal)

Outra coisa boa é chamar os amigos para sua casa. Eles trazem uma energia boa e certeza de bons momentos. E não vale dizer que sua casa ainda não tá pronta, amigos de verdade não vão reparar isso!

3- Tenha em mente que a casa é seu reflexo e está sempre em constante mudança (assim como você!). Não se desespere porque a decoração não está “completa” ou o jardim não tem “as-pedras-lindas-que-você-queria”. Na maioria das vezes, essas coisas simples geram uma angústia enorme, e acredite, só você vê que aquilo está faltando. Mas se for algo realmente que precisa ser finalizado, vamos ao nosso próximo ponto: organize-se!

4- Organize-se: quebrou? Conserte! Não deixe pra depois a sua casa! Vamos pensar numa história simples: uma lâmpada queima e você tem que ir numa loja especial para comprar. Só que você não se organiza e nunca dá tempo de você comprar a maldita lâmpada. Os dias passam, meses talvez. No começo você se irrita por ter ficado meio escuro,  aos poucos você se acostuma sem aquela lâmpada. Você se sente meio irritado toda vez que está naquele cômodo e não se sente bem ali, mas não associa o seu mal estar com a falta de luz. Se identificou? Quem nunca postergou o conserto de alguma coisa? Então, sem procrastinação! Vá agora fazer uma listinha de tudo que tem que ser consertado na sua casinha e se organize (financeiramente, tempo, logística).  A melhor coisa é a sensação de dever cumprido, inclusive com relação ao nosso lar.


Não deixe sua casa ficar assim!!!! (1)

5- Organize-se, não acumule, desapegue! Muitas pessoas tem tendência a acumular coisas em casa, seja por motivos afetivos, seja por pura preguiça de jogar fora. Mas sabe aquele canto que tem umas coisas que não te servem mais? Ia ficar lindo com outro uso. Ou sabe aquelas roupas que você nem usa mais? Imagine que lindo aquele armário espaçoso, com seus cabides todos organizados! E gente, campanha do agasalho aí, doem, doem, desapeguem e criem espaços na sua casa! Normalmente as prefeituras tem contatos de lugares que precisam de doações.  Em Curitiba, se você agendar pelo 156, eles buscam móveis, roupas, colchões e o que mais você tiver para doar e destinam para quem precisa. Ainda em Curitiba, o Pequeno Cotolengo também aceita doações. É só ir lá e doar! Quem tiver contatos em outras cidades, deixem nos comentários!! =]

E agora que você já liberou espaço, vamos para o último tópico.

6- Tenha um canto preferido. Ok, amar a casa inteira de uma vez só pode ser meio difícil. Mas que tal começar por um canto?  Uma cadeira com uma almofada linda, um lugar para você organizar suas coleções, uma parede com suas fotos preferidas (pega do instagram que já tá tratada e manda revelar!) Comece por um canto preferido para você sentar e ser você. Te garanto que não tem sentimento melhor no mundo do que você sentir que faz parte daquilo, que sua casa te pertence. Aos poucos comece a dar atenção para outros cantos e, com o passar do tempo, tudo terá você.



Olha que cantinhos mais lindos! Da esquerda (1), da direita (2).

Não esqueçam, é o bom uso do espaço que vai trazer esse sentimento de amor e bem estar para sua casa.

Ok, agora que você terminou de ler, levanta e vai lá abrir a sua janela! =]


10 comentários:

  1. Amei seu post de hoje, e posso garantir, pessoal, que os ambientes bagunçados não são dela não!! Beijos e sucesso, sempre!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas credo, hein?! As bagunças são daquele programa "acumuladores" da H&H!! A referência está no número, embaixo de cada foto!! Beijo!!

      Excluir
  2. Parabéns Kathyne! Lindo texto. Em várias situações que vc citou, me vi aqui na chácara, lugar que amo ficar, receber e morar. Abraços. Zecleide

    ResponderExcluir
  3. Ótimas dicas, Ká! Vou me mudar em breve e lembrarei de tudo isso com carinho. O blog tá lindo, tua cara! Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Amei suas dicas, adoro ler seus textos, e confesso que me rendi aos seres vivos, ainda não é um cachorro ou um gato, eu tenho algumas plantas na varanda e se não fosse o frio de Curitiba seria o meu cantinho preferido tb, mas nessa época é a minha cama mesmo que é bem quentinha,kkk. Beijos!!!

    ResponderExcluir
  5. Ka me identifiquei muito com esse texto, pequenas coisas que fazem toda a diferença!! Ta lindo o blog, PARABENS!!!

    ResponderExcluir
  6. Show de bola! Pra ser sincero levantei e fui abrir as janelas do apartamento antes de terminar de ler!!!

    ResponderExcluir

Oi! Divide com a gente o que você achou! =]